Quilombos no Brasil: um novo projeto Livres no Contente - Instituto Livres Pular para o conteúdo

Chave PIX: [email protected] | [email protected]

NOTÍCIA

16 de novembro

Quilombos no Brasil: um novo projeto Livres no Contente

Segundo o IBGE, existem 5.972 quilombos no Brasil. Apesar da identificação dessas comunidades ainda não ter entrado oficialmente nas pesquisas do Censo, essas 5.972 localidades quilombolas se encontram em 1.672 municípios brasileiros, representando mais que o dobro do número de localidades indígenas (827).

 

O Nordeste é a região do Brasil que concentra o maior número de localidades quilombolas, 3.171. Mas, afinal, o que são os quilombos? A palavra quilombo vem do idioma banto, sendo uma referência a “guerreiro da floresta”.

 

A primeira definição de quilombo na administração colonial ocorreu em 1740 pelo Conselho Ultramarino Português, que assim o definiu: “toda a habitação de negros fugidos que passem de cinco, em parte desprovida, ainda que não tenham ranchos levantados nem achem pilões neles”.

 

Enfim, os Quilombos são comunidades que, originariamente, se formaram por escravos fugidos das fazendas e se transformaram em centros de resistência dos escravos negros que escapavam do trabalho forçado no Brasil.

 

Ou seja, os quilombolas são descendentes de africanos escravizados que mantêm tradições culturais, de subsistência e religiosas, ao longo dos séculos. O Decreto 4887/03 estabelece que: “Consideram-se remanescentes das comunidades dos quilombos os grupos étnico-raciais, segundo critérios de auto-atribuição, com trajetória histórica própria, dotados de relações territoriais específicas, com presunção de ancestralidade negra relacionada com a opressão histórica sofrida”.

 

Leia também:
+ Suicídio no Brasil: taxa de mortalidade no Piauí é preocupante
+ Atividades de contraturno para crianças de Paulistana/PI

 

O Livres e os Quilombos no sertão do Piauí

No Piauí, segundo dados da defensoria Pública do Piauí, a estimativa é de 266 comunidades quilombolas. Destas, 84 já reconhecidas pela FCP – Fundação Cultural Palmares, enquanto 61 estão em processo de titulação junto ao Incra/PI. Um total de 5 ainda não foram tituladas.

 

O LIVRES tem atuado no sertão do Piauí, assistindo comunidades em situação de vulnerabilidade, que sofrem com a seca e a sede e, muitas delas são quilombos ou comunidades quilombolas remanescentes.

 

Em Paulistana/PI, onde temos nosso pólo base de missões, existem mais de 50 comunidades rurais, que a população sertaneja chama de “interiores”. Cada uma dessas comunidades possui uma história e uma identidade própria. Entre elas, estão assentamentos, povoados, vilarejos e quilombos históricos.

 

A grande maioria dos interiores não possui a presença de um trabalho social recorrente junto às crianças e famílias, muito menos de suporte emocional e espiritual. Alcançar e assistir todas essas comunidades é um dos nossos objetivos, contudo, ainda não temos voluntários suficientes para realizar esse trabalho.

 

A zona rural nordestina possui mais de 12 milhões de habitantes com menos de 0,1% de crentes. É estimado que existam mais de 10 mil vilas e povoados sem nenhuma presença evangélica.

 

Saiba mais sobre os Desafios de Missões no sertão aqui.

 

Em Paulistana, havíamos optado por trabalhar mais consistentemente com apenas duas comunidades quilombolas, o Assentamento Serra Branca e a Chapada. No entanto, no mês de outubro, tivemos uma grata surpresa.

 

Quilombo Contente

Há cerca de 25 Km de Paulistana, pegando à direita em uma pequena estrada de terra ladeada de cercas e seguindo por ela, é possível observar uma frondosa árvore cercada de casas. Este lugar se chama Quilombo Contente.

 

O Contente é um quilombo reconhecido pela Fundação Palmares, que preserva sua história há mais de cem anos. É povoado por cerca de 40 famílias e é lar de pessoas muito queridas.

 

Embaixo daquela árvore, se encontra um tronco com um buraco no topo. Aquele tronco era onde os escravos eram castigados na época da escravidão. Quem conta e preserva essa história é a líder da associação do Contente, Jucélia. Mulher inteligente e dedicada que trabalha em prol do bem da comunidade, ela entende a necessidade de preservar a história de seus antepassados e a cultura que lhes foi transferida.

 

Já havíamos feito diversas ações esporádicas no quilombo, mas nunca tivemos a possibilidade de estabelecer um trabalho social contínuo. Agora, em parceria com a Igreja do Sertão de Paulistana, iniciamos um projeto de visitas na comunidade!

 

A alegria do povo foi indescritível. Há muito tempo eles pediam por visitas ali. E finalmente esse pedido pode ser atendido. Estaremos no quilombo semanalmente, apoiando a Igreja local com as atividades sociais para adultos e crianças.

 

A Missão Social Livres

A Missão Social do LIVRES acontece de forma contínua e recorrente na região sudeste do Piauí, mais especificamente em Paulistana e arredores.

 

Nossa atuação consiste em acompanhar as famílias beneficiadas, dar continuidade às ações de assistência naquilo que nos cabe, atuar junto ao público infantil e jovem, bem como analisar oportunidades de ampliação dos benefícios de nossos programas a outras comunidades.

 

Junte-se a nós e faça a diferença no sertão.


Últimas notícias

Impacto Livres celebra 10 anos com edição especial em Simões, Piauí

Por Dentro do Projeto Mais Água: Revelando a Realidade das Comunidades Sertanejas

Buscamos compreender a realidade das comunidades sertanejas do Nordeste brasileiro, o Mais Água visa enfrentar os desafios da escassez de água.

Construindo Futuros Promissores: Compromisso no Combate ao Abuso Infantil

No Dia Nacional do Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, o Livres busca proteção e bem-estar.

Juntos Pelo Rio Grande do Sul

SOS Rio Grande do Sul - Saiba como ser eficiente na ajuda às vítimas dessa terrível tragédia!

18 Anos Ressignificando Realidades e Reconstruindo Sonhos!

Conheça Nossos Amigos e Apoiadores

Personalidades influentes se unem ao Instituto Livres para promover mudanças significativas e proporcionar esperança e oportunidades para comunidades vulneráveis no sertão brasileiro.

Compartilhe

Copiar link

MAIS LIDAS

INSCREVA-SE

Quer ficar por dentro de todas as iniciativas inspiradoras e progressos que estamos alcançando? Engaje-se conosco assinando nossa newsletter e receba informações exclusivas, histórias de impacto e oportunidades para fazer a diferença. Juntos, podemos construir um futuro melhor!