Frutas do sertão: conheça os sabores do nordeste - Instituto Livres Pular para o conteúdo

Chave PIX: [email protected] | [email protected]

NOTÍCIA

26 de maio

Frutas do sertão: conheça os sabores do nordeste

Muitas vezes associamos o sertão com o sol quente e uma terra infrutífera. Mas isso não é verdade. A região norte e nordeste do Brasil, principalmente o sertão nordestino, produzem algumas das frutas mais deliciosas que podemos encontrar em solo brasileiro.

 

Além disso, essas frutas podem ser fonte de diversas vitaminas e benefícios para a nossa saúde.

 

Confira a seguir alguns frutos típicos do sertão! Você pode se apaixonar e inclui-los em sua alimentação diária pode trazer vários benefícios.

 

Jambo rosa

Veja como é o jambo rosa, uma das frutas do sertão brasileiro
Uma das frutas do sertão é o Jambo Rosa

 

O jambo rosa é encontrado em grandes arbustos ou árvore de pequeno a médio porte, tipicamente de 03 a 15 metros de altura, com tendência à ramificação baixa.

 

Seu formato lembra o de alguns tipos de goiaba. Na verdade, a fruta tem uma aparência tão parecida com a goiaba que as pessoas que não estão familiarizadas com ela podem se confundir. No entanto, a fragrância, o sabor e a textura são diferentes e, em vez de conter dezenas de sementes pequenas e duras colocadas em um tecido gelatinoso, como a goiaba, os jambos geralmente contêm uma ou duas sementes grandes.

 

Sua pele é fina e cerosa. As flores são descritas por alguns como perfumadas, embora isso pareça ser um atributo variável. A fruta madura, no entanto, apresenta um buquê floral forte e agradável.

 

Sua colheita ocorre entre os meses de janeiro e maio. Normalmente, sua comercialização ocorre em feiras livres e o fruto pode ser usado para a preparação de doces tipo compota e geleias.

Araçá

Veja na foto como é uma das frutas do sertão, o araçá
Outra fruta típica do sertão é o araçá

 

Sua árvore é pequena e altamente ramificada que pode chegar a 13 metros, embora a maioria fique entre 2 e 4 metros.

 

A fruta tem uma casca fina que varia do amarelo ao vermelho escuro ou roxo, é de forma ovular e cresce até 4 centímetros de comprimento. Suas flores crescem individualmente ou em grupos de três, e cada flor tem cinco pétalas.

 

Suas sementes têm muitos benefícios à saúde, incluindo propriedades antioxidantes, antiinflamatórias e antimicrobianas, além de uma alta quantidade de vitamina C.

 

Normalmente, o araçá é consumido em grandes quantidades in natura, mas também pode ser cozido e coado para a remoção de suas sementes.

 

Umbu

O umbu é uma das frutas do sertão
A árvore umbuzeira tem como fruto o umbu, que compõe as frutas do sertão

 

O umbu é fruto típico do nordeste que cresce selvagem em meio às terras secas. Ele é pequeno, com cerca de 2 a 4 centímetros e com formato arredondado. Sua cor varia do amarelo claro ao vermelho e apresenta uma casca coriácea. A polpa é macia e suculenta, com sabor adocicado e aroma distinto.

 

Pode ser consumido in natura ou transformado em geleias e outras conservas adoçadas. No sertão, é cozido até que a casca e a polpa se separem. Em seguida, o líquido é despejado, é misturado ao açúcar e cozido por mais duas horas. Depois a polpa é reduzida a uma geleia, mantendo um sabor levemente azedo.

 

Pitomba

Pitomba frutas do sertão
A pitombeira é a responsável pela Pitomba, outra fruta típica do sertão

A árvore da pitomba pode atingir uma altura entre 9 a 20 metros, com um tronco de até 45 cm de diâmetro.

 

A fruta tem um formato redondo, e apresenta 1,5 a 4 centímetros de diâmetro. Abaixo de sua casca está a polpa suculenta, branca e translúcida com um sabor ácido e adocicado. As sementes dessa fruta são grandes e alongadas.

 

Esse fruto pode ser consumido in natura ou a polpa pode ser batida com água.

 

Sapoti

sapoti frutas do sertão
O sapoti é típico do sertão

A árvore do sapoti pode crescer mais de 30 metros de altura. A altura média, entretanto, é geralmente entre 9 e 15 metros, com um diâmetro médio de tronco que não excede 50 centímetros. Suas flores brancas são em forma de sino, com uma corola de seis lóbulos.

 

O fruto é de um formato oval, com 4 a 8 centímetros de diâmetro. Por dentro, sua polpa varia de um amarelo pálido a um marrom terroso com uma textura granulada semelhante à de uma pera bem madura.

 

Cada fruta contém de uma a seis sementes. As sementes são duras, brilhantes e pretas, lembrando feijão, com um gancho em uma das pontas que pode se prender na garganta se engolido. Seu sabor é excepcionalmente doce e maltado.

 

Ajude o sertão nordestino

Como você pode ver, o sertão é rico em sabores. Mas, infelizmente, a pobreza ainda toma conta dos lares dos sertanejos, os quais não tem acesso à água potável e alimento.

 

Nós, do Livres, nos comprometemos em ajudar o povo nordestino. Confira nossos programas e veja nossas ações.

 

Você também pode ajudar o sertão nordestino!

 

Faça sua doação e transforme a vida de milhares de famílias!


Últimas notícias

Impacto Livres celebra 10 anos com edição especial em Simões, Piauí

Por Dentro do Projeto Mais Água: Revelando a Realidade das Comunidades Sertanejas

Buscamos compreender a realidade das comunidades sertanejas do Nordeste brasileiro, o Mais Água visa enfrentar os desafios da escassez de água.

Construindo Futuros Promissores: Compromisso no Combate ao Abuso Infantil

No Dia Nacional do Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, o Livres busca proteção e bem-estar.

Juntos Pelo Rio Grande do Sul

SOS Rio Grande do Sul - Saiba como ser eficiente na ajuda às vítimas dessa terrível tragédia!

18 Anos Ressignificando Realidades e Reconstruindo Sonhos!

Conheça Nossos Amigos e Apoiadores

Personalidades influentes se unem ao Instituto Livres para promover mudanças significativas e proporcionar esperança e oportunidades para comunidades vulneráveis no sertão brasileiro.

Compartilhe

Copiar link

MAIS LIDAS

INSCREVA-SE

Quer ficar por dentro de todas as iniciativas inspiradoras e progressos que estamos alcançando? Engaje-se conosco assinando nossa newsletter e receba informações exclusivas, histórias de impacto e oportunidades para fazer a diferença. Juntos, podemos construir um futuro melhor!