A pandemia e o terceiro setor

A pandemia atingiu todos os setores da sociedade. Os governos tiveram que rever muitas políticas de saúde pública; os pequenos negócios foram fechados e estão se adequando às reaberturas; e o terceiro setor sofreu um grande impacto em sua arrecadação de recursos.

 

Mas, afinal, quais são os dados do impacto da pandemia no terceiro setor?

 

Neste artigo, queremos focar nos impactos causados no setor em que atuamos: o terceiro setor.

 

Veja a seguir alguns dados de como a pandemia mudou o cenário para as organizações sem fins lucrativos e como elas tiveram que se adequar a essa nova realidade.

 

Dados do impacto da pandemia no terceiro setor

Cerca de 97% das organizações sem fins lucrativos afirmaram a necessidade de inovar em resposta à pandemia do coronavírus, de acordo com uma pesquisa recente publicada pela CAF America.

 

O volume 6 de ‘Future-Proofing Nonprofits For the Post-Pandemic World: The Voice of Charities Facing COVID-19 Series’, lançado no mês de abril, pesquisou 805 organizações sem fins lucrativos e 57,76% relataram ter entre 1 e 20 funcionários.

 

A pesquisa inclui respostas coletadas entre março de 2020 e dezembro de 2020 de organizações sem fins lucrativos em 152 países. Seu âmbito coletivo de trabalho incluía serviços sociais (45,56%); educação (44,54%); saúde (29,19%) e direitos humanos (21,45%), entre outros nichos.

 

Quanto a quem atendem: 73,25% relataram trabalhar com crianças e jovens; 47,72% trabalham com pessoas com deficiência; 39,92% trabalham com idosos; 35,48% trabalham com desempregados; 27,55% trabalham com moradores de rua; 21,77% trabalham com refugiados; e 8,33% trabalham com veteranos.

 

Questionados simplesmente se sua organização foi impactada negativamente pela pandemia de coronavírus, a resposta foi um sim quase universal, mas houve uma ligeira queda durante os meses de verão do hemisfério norte. 96,50% disseram sim em março de 2020, mas esse número caiu para 90,40% em junho. Em dezembro, o número havia subido para 93,07%.

 

Mudanças e inovações

Questionados sobre as inovações que implementaram em 2020, a resposta principal, com 73,94%, foi “adaptar a programação ao mundo digital“. As organizações sem fins lucrativos também disseram que essa foi sua inovação de maior sucesso – 62,84% disseram que tiveram sucesso nesta adaptação.

 

Outras inovações foram consideradas menos bem-sucedidas pelos entrevistados: 57,42% disseram que criaram novas estratégias e campanhas de arrecadação de fundos, mas apenas 31,42% descreveram esses esforços como bem-sucedidos.

 

Comparar as estratégias implementadas com o que foram consideradas mudanças bem-sucedidas refletiu profunda frustração das organizações sem fins lucrativos e seus vários esforços: 45,68% disseram que implementaram colaboração ou parcerias com outras organizações sem fins lucrativos para coordenar a resposta, mas apenas 27,25% consideraram esse esforço bem-sucedido; 42,45% disseram que modificaram os acordos de subvenção existentes, mas apenas 20,60% o fizeram com sucesso; 30,06% mudaram de função, mas apenas 16,95% disseram que o fizeram com sucesso.

 

Torne-se um doador e nos ajude a vencer os desafios e transformar milhares de vidas!

 

Arrecadação de recursos

As organizações sem fins lucrativos foram consultadas em seis áreas prioritárias – tecnologia, comunicação, finanças, arrecadação de fundos, liderança e diversidade, equidade e inclusão – onde identificaram oportunidades de melhoria.

 

71,05% consideram buscar consultoria para usar a comunicação de forma mais eficaz para arrecadação de fundos e mobilização de recursos; 75,60% procuram consultoria para encontrar novas formas de arrecadar fundos por meio da tecnologia digital; e 69,24% estão buscando consultoria sobre como alcançar doadores novos e existentes para fontes de financiamento de diversidade.

 

O impacto no Instituto Livres

Como podemos ver nos dados acima, as organizações sem fins lucrativos sentiram um alto impacto negativo em suas atividades. Com o Livres não foi diferente.

 

Em meio a toda mudança de cenário, precisamos nos adaptar aos desafios, ser criativos diante aos problemas e reinventar a forma como nos aproximamos dos nossos apoiadores. Tudo isso sem perder a base dos nossos  valores: Compaixão, Espírito de Cooperação, Inovação Social, Transparência, Sustentabilidade, Compromisso, Excelência e Simplicidade.

 

Estamos conseguindo avançar em nossas causas, mesmo com tantas dificuldades. Mas isso só foi possível porque milhares de pessoas e empresas acreditaram em nós e contribuíram para a transformação de milhares de vidas.

 

Seja você também um apoiador do Livres!

Torne-se um doador e nos ajude a vencer os desafios e transformar milhares de vidas!

Translate »
Iniciar conversa
Podemos te ajudar?
Olá!! Como podemos te ajudar?