Fale com o Instituto: (11) 9.8542-6677 (11) 2532-7747

Incentivo fiscal para sua empresa, como receber?

Você sabia que a sua empresa pode receber incentivo fiscal quando se envolve com nossos projetos? Uma das formas mais bonitas e dignas de auxiliar no desenvolvimento da sociedade em que vivemos é doar e se envolver com causas e organizações sociais.

Elas são responsáveis por grandes avanços na luta por direitos de minorias e grupos marginalizados. Estudos apontam que muitas pessoas querem e já tentaram se envolver com ações sociais de diversos tipos. Porém, por falta de tempo e flexibilidade na rotina do trabalho, acabam deixando essa vontade de lado e sempre adiam seu envolvimento com as causas sociais para focar em suas responsabilidades profissionais.

Para essas pessoas, traremos hoje uma das formas que a empresa em que trabalham ou são proprietárias podem colaborar com organizações do terceiro setor, como o Instituto Livres, ou seja, como podem nos ajudar com sua doação e estímulo ao voluntariado. Por meio da doação por tributação do Lucro Real que resulta em dedução no Imposto de Renda da empresa, além de investir para a transformação efetiva da realidade social, a empresa também recebe alguns outros benefícios.

Mas como sua empresa pode nos ajudar ?

Quando a empresa é tributada pelo seu lucro real e possui seus colaboradores participando ativamente de ações voluntárias, ela consegue o abatimento de até 2% do seu imposto destinando-o à doação.

Ainda existem três formas de dedução que a empresa pode se utilizar quando tributada pelo seu lucro real após a doação:

1- A doação ou contribuição é dedutível na apuração do IRPL e CSLL (necessário análise de legislação), contabilizada como despesa operacional deduzida a base de cálculo, gerando IRPJ e CSLL menores a serem recolhidos;

2- A doação ou contribuição não é dedutível, mas o valor doado é deduzido diretamente no IRPJ devido;

3- Junção das formas anteriores, a doação ou contribuição é dedutível e ainda ocorre a permissão da dedutibilidade sobre o IRPJ devido.

É importante observar que, para se utilizar do incentivo fiscal, a empresa precisa realizar previsão de seus resultados e lucros a longo prazo, a fim de realizar a doação ou contribuição no melhor momento.

O valor que a empresa tem direito a resgatar do incentivo fiscal precisa ser descontado do imposto ainda no mesmo ano em que o recurso foi direcionado ao projeto social escolhido. Dessa forma, uma doação feita em 2020, deverá constar no ano 2020.  

Muito além dos benefícios fiscais

De a cordo com o tipo de lei de incentivo escolhida pela empresa para doação e da conversa entre o empresário representante da doação e o líder da organização beneficiada com ela, a empresa doadora pode ter diversos benefícios, além de isenção de 2% de seu imposto de renda. Um deles é a vinculação de sua marca aos projetos sociais realizados pela organização auxiliada, que ocasiona também um maior engajamento de seus colaboradores e clientes pelas causas sociais, gerando uma proximidade da empresa com a comunidade que a cerca e concedendo à marca uma responsabilidade social agregada.

Que tal engajar e unir seu público?

O envolvimento corporativo com projetos sociais e voluntários, além de fomentar a preferência do público pela empresa por sua responsabilidade social, como já mencionado, também é capaz de aumentar a produtividade e união entre colaboradores, uma vez que prestarão seus serviços à companhia cientes de que também entregarão retorno à sociedade e quando particarem juntos de ações voluntárias, terão maior conexão pessoal e amizade entre eles.

A empresa que doa e mantém seu público engajado com ações sociais deixa de ser mais uma empresa no mercado em que atua e passa ser a empresa que faz a diferença no mundo!

Venha, com sua empresa, fazer a diferença!

Translate »
Iniciar conversa
Podemos te ajudar?
Olá!! Como podemos te ajudar?