Fale com o Instituto: (11) 9.8542-6677 (11) 2532-7747

Criptomoedas, a tecnologia a favor do bem

Muito se tem falado sobre as criptomoedas – Bitcoin, Ethereum, Tether e tantas outras estão disponíveis no mercado. O uso desse tipo de ativo tem se expandido cada vez mais, passando de uma moeda meramente especulativa para o uso real na compra e venda de bens e serviços.

Mas, afinal, você sabe o que é uma criptomoeda? Quais são os benefícios do seu uso?

E você sabia que pode transformar vidas usando uma criptomoeda?

Confira esse artigo e tenha algumas repostas para essas perguntas.

O que são criptomoedas?

Uma criptomoeda é um tipo de dinheiro digital criado a partir de um código. Elas funcionam de forma autônoma, fora dos sistemas bancários e governamentais.

As criptomoedas usam criptografia para proteger as transações e regular a criação de unidades adicionais. Bitcoin, a criptomoeda original e de longe a mais conhecida, foi lançada em janeiro de 2009. Hoje, existem mais de 1.000 criptomoedas disponíveis online.

Elas diferem significativamente das moedas fiduciárias tradicionais. No entanto, você ainda pode comprá-las e vendê-las como qualquer outro ativo.

No início, as criptomoedas foram projetadas para serem um método de pagamento alternativo nas transações online. Como uma moeda descentralizada, ela foi desenvolvida para ser livre de controle ou influência excessiva do governo, e sua movimentação é monitorada por protocolo Peer-to-Peer. As unidades individuais que constituem uma criptomoeda são cadeias de dados criptografadas que foram codificadas para representar uma unidade.

O Bitcoin é considerado a primeira criptomoeda descentralizada. Como todas as criptomoedas, é controlado por meio de um banco de dados de transações blockchain, que funciona como um livro-razão público distribuído. O Bitcoin foi criado por Satoshi Nakamoto – é desconhecido se o nome se refere a um indivíduo ou a um grupo.

Uma característica da maioria das criptomoedas é que elas foram projetadas para reduzir lentamente a produção. Consequentemente, apenas um número limitado de unidades da moeda estará em circulação. Isso reflete os commodities como ouro e outros metais preciosos. Por exemplo, não se espera que o número de bitcoins exceda 21 milhões.

Por outro lado, as criptomoedas como o Ethereum funcionam de maneira um pouco diferente. A emissão é limitada a 18 milhões de tokens Ethereum por ano, o que equivale a 25% do fornecimento inicial. Limitar o número de bitcoins fornece ‘escassez’, que por sua vez dá valor ao ativo.

Benefícios das criptomoedas

Se você se interessou pelas criptomoedas, aqui estão alguns benefícios em seu uso:

1. Discrição

Um dos benefícios é a discrição envolvida na compra de criptomoedas. A não ser que o comprador publique por vontade própria suas transações, suas compras jamais serão ligadas à sua identidade, não sendo fácil rastrear a transação até ele.

Nas compras, o endereço anônimo produzido se modifica a cada transação. Isso não significa um anonimato completo ou que as transações não são rastreáveis, mas sim que são menos associadas à identidade pessoal do comprador do que outras maneiras tradicionais de pagamento.

2. Autonomia do usuário

A principal característica das criptomoedas, para muitos, é sua autonomia. Elas possibilitam os usuários serem mais autônomos em relação ao seu dinheiro, pelo menos em teoria. Seus usuários podem gerenciar seu dinheiro sem a necessidade de um intermediário, como banco ou governo.

3. Pagamentos internacionais com taxas mais baixas

Normalmente, transferências e compras no exterior integram custos de câmbio e outras taxas. Já que não há intermediários nas transações de criptomoeda, é possível reduzir os custos de transação. Isso pode ser uma enorme vantagem para quem gosta de viajar.

Além do mais, qualquer transferência é feita de forma rápida, aumentando a conveniência através da dispensa de autorizações e dos longos períodos de espera.

4. Foco Peer-to-Peer

A forma de pagamento é puramente peer-to-peer, ou seja, os usuários podem transferir e receber criptomoedas de ou para qualquer indivíduo que está conectado na rede ao redor do mundo sem a necessidade de aprovação de nenhum intermediário externo.

5. Acessibilidade

Já que os usuários podem transferir e receber criptomoedas utilizando um smartphone ou computador, teoricamente, elas se tornam mais acessíveis para pessoas sem acesso a sistemas bancários tradicionais, cartões de crédito e outros métodos de pagamento.

6. Eliminação de taxas bancárias

Entre as transações de criptomoeda pode haver taxas de “criador” e “tomador”, assim como taxas pontuais de depósito e saque. Contudo, os usuários de criptomoedas ficam dependentes das taxas bancárias.

Logo, nenhuma taxa de manutenção de conta ou de saldo mínimo, cobrança de cheque especial, entre outras, será cobrada.

7. Pagamentos remotos

Como muitos sistemas de pagamento digitais, as criptomoedas permitem fazer pagamentos em qualquer local com acesso à Internet. Ou seja, você não precisa sair do local onde está para comprar um produto ou serviço.

Entretanto, ao contrário dos pagamentos realizados por meio de contas bancárias ou cartões de crédito, as informações pessoais são dispensáveis para realizar qualquer compra.

Transformando vidas com criptomoedas

Você pode até já ter sua criptomoeda favorita ou pode estar pensando em investir em alguma. Mas, você sabia que pode transformar a vida de milhares de pessoas no sertão nordestino através do bitcoin?

Isso porque o que o Instituto Livres agora aceita doações através de bitcoins!

Sempre pensamos em facilitar a vida dos nossos doadores e nos tornar uma referência quando o assunto é tecnologia. Por isso, trazemos mais esse meio de doação para você que está por dentro dessa tendência.

Você pode ter acesso ao endereço da nossa carteira ou ler o QRCode clicando aqui.

Agora, se você ainda não tem bitcoins, não se preocupe. Você ainda pode fazer sua doação clicando aqui.

Seja você um agente transformador de vidas. Torne-se um doador!

Translate »
Iniciar conversa
Podemos te ajudar?
Olá!! Como podemos te ajudar?