Aprendendo com pequenas empresas e experiências

O que podemos aprender com pequenas empresas e experiências a fim de evitar desgastes e frustrações

Em busca de diferenciação e competitividade para sobreviver no mercado, as organizações sociais podem aprender muito com pequenas empresas e suas experiências no processo de se manterem ativas e darem continuidade aos seus trabalhos e projetos sociais.

Por meio de soluções customizadas, singulares e personalizadas, as pequenas empresas e organizações buscam novas tecnologias de gestão – mais aderentes às transformações de um mundo cada vez mais globalizado, impessoal e tecnologicamente interconectado.

Como resultado, um grande numero de entidades recorre à melhor compreender o contexto, a história e as suas dinâmicas particulares, valorizando os saberes e as competências que permitiram chegar onde está.

As organizações tem se adaptado para utilizar novos instrumentos de gestão, construindo estratégias de desenvolvimento, crescimento e diferenciação. Ferramentas diversas vem possibilitando processos dinâmicos e criativos de geração de novas ideias, leituras de mercado e comportamento de seus clientes e stakeholders.

Tendo como base o “aprender fazendo”, organizações empreendedoras mobilizam e articulam conhecimentos, habilidades, atitudes e recursos que têm à mão, ao mesmo tempo em que assimilam as novidades e inovações
emergentes no cenário de sua atuação social.

O que se pode concluir e que devemos aprender com as pequenas empresas e experiências é que é fundamental o desenvolvimento de modelos e instrumentos de gestão, capazes de gerar resultados mais inclusivos e sustentáveis, que levem em conta a construção de projetos que sejam efetivos na transformação da nossa sociedade.

O Instituto Livres está sempre buscando novas formas de se posicionar frente a um mercado cada dia mais digital e que também nos exige bastante clareza e transparência naquilo que fazemos e entregamos para a sociedade. O uso de sistemas de gestão e ferramentas adequadas facilitam o processo de governança e alcance de resultados, afinal, o recurso que viabiliza tudo o que fazemos vem de um doador ao qual devemos prestar contas!

Conheça um pouco mais sobre o nosso trabalho e nossos resultados.

Fonte: Conteudo inspirado em artigo de Gilmar Chagas e Anderson Santanna (FDC)

Translate »
Iniciar conversa
Podemos te ajudar?
Olá!! Como podemos te ajudar?